Quem Somos

A Cesta da Reforma Agrária do MST traz para o povo da cidade toda a produção dos assentamentos e acampamentos da Reforma Agrária do estado do Rio de Janeiro. Alimentos agroecológicos e saudáveis, produtos de saúde, artesanato, cultura, educação são produzidos nestes locais por assentadas e assentados gestando coletivamente seu trabalho em equilíbrio com a natureza.

 

Essa prática coletiva qualifica o trabalho de produção e comercialização e contribui também na cooperação agroecológica das famílias. É uma prática que transforma a vida, construindo alternativas de vida, trabalho e moradia para pessoas que em muitos casos estavam em situação de precariedade e hoje vivem da própria produção nos assentamentos e acampamentos do MST.

 

Por isso, que quando você participa da Cesta da Reforma Agrária, está contribuindo para o fortalecimento destas famílias, e para os processos de mobilização social e de produção agroecológica que o movimento propõe.  

 

Produção de alimentos saudáveis e agroecológicos, trabalho coletivo, saúde e educação são algumas das bases que garantem qualidade e vida digna para o povo. Para isso, é fundamentais a Reforma Agrária Popular assim como políticas públicas específicas para o campo que visam o fortalecimento da produção e da relação de solidariedade entre produtores e consumidores.

 

A produção estadual de nossos coletivos é representada pela marca Terra Crioula, que nasceu em 2010. E que nas simbologias da terra e da identidade crioula traz a mística da diversidade produtiva latino-americana e a sabedoria dos povos e comunidades do campo e das florestas, com autonomia e soberania alimentar. Identidade que afirma também o protagonismo e poder das mulheres na história da humanidade, que lutam para romper a invisibilidade o cerco de opressão a que foram submetidas historicamente.

 

Construir Reforma Agrária Popular!

 

Site desenvolvido por: SOLTEC/NIDES/UFRJ